Ouvidoria Contato
  • BR
  • EN
  • ES

Exemplo: Jogador da base do Goiás entra para a Universidade Federal

Matheus Souza, goleiro do Sub-17 esmeraldino, concilia futebol e estudos, e agora vai cursar Educação Física na UFG

02/02

Categoria de Base

compartilhe

Matheus Souza, goleiro do Sub-17 esmeraldino, concilia futebol e estudos, e agora vai cursar Educação Física.

O sonho de vingar no futebol costuma consumir a ideia e a disposição para a dedicação aos estudos. A paixão pela bola abafa outras e a concentração é nos objetivos dentro das quatro linhas. Há exceções e, e no Goiás Esporte Clube os jogadores recebem um incentivo especial para os estudos, o único detentor da Chancela de Clube Formador CBF da região centro-oeste do país, o verde mantém uma equipe multidisciplinar de profissionais, para uma formação global de seus atletas.

Na categoria de base, os atletas do esmeraldino contam com o auxílio cotidiano da Professora Patrycia Scarlateli, pedagoga, que esta sempre à disposição dos jogadores federados no Goiás Esporte Clube, para superar toda e qualquer dificuldade escolar.

Ao atingir o nível no ENEM, Matheus Souza, conseguiu ingressar no curso de Educação Física da Universidade Federal de Goiás (UFG) e iniciará a graduação este ano, mostrando potencial nos estudos. Nascido no Rio de Janeiro, Matheus sempre conviveu com a bola e os livros. Apaixonado por esportes, também se dedicou aos estudos. As notas, segundo o pai, Edson Moura, sempre foram acima da média. De acordo com Matheus, conciliar futebol e educação nunca foi problema. “É necessário ter dedicação e foco, mas é possível, depende apenas do próprio esforço. Muitos meninos desistem dos estudos porque não querem passar por dificuldades”, disse.

No ensino básico, Matheus estudou em escolas particulares, boa parte do tempo com bolsa de estudos. No Ensino Médio, já em Goiânia, passou a estudar em escola pública e, para auxiliar e intensificar o preparo para o Enem, começou a fazer cursos online. O sonho é se tornar jogador de futebol, carreira que tem caminho instável e imprevisível, mas o garoto não enxerga os estudos em um segundo plano. “Não vejo os estudos como plano B, sei que dá para fazer as duas coisas. Posso ser jogador e ter uma formação, até porque carreira de atleta é muito curta e terei de investir em alguma coisa. Futebol é muito incerto e não depende só de mim. Sei que são poucos que conseguem viver bem e exclusivamente de futebol. Ter uma formação ajuda também na carreira”, relatou. Matheus não teve sempre o futebol como sonho. O garoto se destacou, na infância, praticando Judô. Segundo o pai, Edson Moura, o filho chegou a conquistar títulos nas categorias que disputou e tudo indicava que seguiria na carreira. “Quando ele tinha 9 anos, pediu para jogar bola. Ele procurou a escolinha, o telefone e me entregou tudo. Eu o matriculei e ele começou a jogar. Ele não sabia nada, apanhou muito no começo, mas, de repente, começou a engrenar”, relembra o pai.

Matheus decidiu então escolher apenas um esporte para se dedicar, justamente para conciliar com os estudos. Foi aí que surpreendeu e optou pelo futebol e quer construir um bom ano no Sub-17 do Goiás, conquistando títulos. Até aqui, como titular, conquistou um, a Taça Mané Garrincha 2018. “O objetivo agora é seguir me destacando no Goiás e, um dia, subir para o profissional do clube”, cravou Matheus, que agora é um grande exemplo para demais atletas de sua categoria.

FONTE: O Popular e Jornal Daqui
FOTO: Douglas Schinatto – O Popular

Hely Maia

Coordenador administrativo das categorias de base esmeraldina. Graduado em Educação Física e especialista em Marketing. Desde 2009 no Goiás Esporte Clube.

Últimas Notícias


15/02

Futebol Profissional

Ingressos à venda para Goiás x Goiânia
Leia mais

15/02

Futebol Profissional

Goiás se prepara para mais um duelo no Estádio Hailé Pinheiro
Leia mais

15/02

Categoria de Base

Sub-20: Formatado o Campeonato Goiano de Juniores 2019
Leia mais

15/02

Futebol Profissional

Goiás avança para a segunda fase da Copa do Brasil
Leia mais

14/02

Basquete

Basquete abre seletiva para categorias sub-15 e sub-17
Leia mais

14/02

Categoria de Base

Leandro Campos analisa preparação física do Sub-20
Leia mais