Goiás empata com o Anápolis no Jonas Duarte

Sem desistir até o último lance, o Goiás empatou com o Anápolis em 1 a 1, no estádio Jonas Duarte. O gol alviverde foi marcado por Léo Gamalho, artilheiro do Verdão e do Campeonato Goiano com cinco gols em quatro jogos. O Maior do Centro-Oeste sustenta uma invencibilidade de oito anos e 10 jogos diante do Galo da Comarca.

Com o resultado o Goiás chega aos oito pontos e assume a liderança do grupo A do certame estadual. O próximo compromisso esmeraldino será no domingo, contra o Goianésia, no estádio Valdeir José de Oliveira.

O jogo

Logo no primeiro ataque o Verdão já concluiu em gol, Felipe Saturnino passou para Léo Sena, o camisa 11 trouxe da esquerda para o meio e bateu, mas para fora. Não houve superioridade em posse de bola no início da partida, as duas equipes se lançavam ao ataque, mas sem conseguir finalizar com real perigo.

A primeira boa chegada foi alviverde, Jean Carlos cobrou falta da ponta direita, Fábio Sanches ganhou pelo alto e cabeceou firme, João Vitor conseguiu defender. Ainda no primeiro tempo o Goiás perdeu Felipe Saturnino, contundido, Alex Alves entrou em sua vaga.

No último lance da etapa inicial, Jean Carlos cobrou escanteio da direita na primeira trave, Pedro Bambu fez o desvio e Felipe Baiano afastou em cima da linha.

Segundo tempo

Quem chegou primeiro na etapa final também foi o Verdão, Victor Bolt roubou a bola na ponta esquerda e fez o cruzamento, por pouco Léo Gamalho não desvia para as redes do Anápolis. Principalmente depois dos 20 minutos, a partida ficou aberta, com as duas equipes buscando de maneira constante as jogadas ofensivas.

Gilson Kleina promoveu a segunda mudança no Goiás, Walter em lugar de Victor Bolt. O camisa 18 teve boa chance, Carlos Eduardo foi lançado em velocidade e serviu Walter, ele bateu da entrada da área, mas por cima da meta do Anápolis.

Tiago Luís também entrou na partida, ele substituiu Carlos Eduardo. Walter lançou Léo Gamalho, o camisa 9 disputou no alto com a defesa e depois conseguiu bater de esquerda, a bola passou rente a trave esquerda de João Vitor.

Tiago Luís arriscou a cobrança de uma falta de muito longe, o camisa 20 encheu o pé, a bola tirou tinta da trave direita do Anápolis. Já nos acréscimos os donos da casa marcaram, Igor aproveitou cobrança de falta na área e cabeceou, 1 a 0.

Mas os guerreiros esmeraldinos não desistiram e continuaram em busca do gol. Aos 48 minutos o Verdão teve uma falta na intermediária pela direita. Walter se apresentou para cobrança, o camisa 18 colocou a bola na cabeça de Léo Gamalho, o artilheiro esmeraldino não perdoou e mandou para as redes, empatando o confronto, 1 a 1. 


Voltar