Ouça a rádio ao vivo


Rafinha comemora volta aos gramados

Atacante esmeraldino ficou fora da equipe por conta de uma fratura no tornozelo

Futebol Profissional

compartilhe

No Goiás desde janeiro de 2018, o atacante Rafinha viveu momentos inesperados nesta temporada. O jogador sofreu uma fratura no tornozelo esquerdo, no dia quatro de janeiro. Passou por cirurgia, ficou em tratamento os últimos 4 meses. Até chegar o momento de voltar aos gramados.

-” Foi a primeira vez que fiz cirurgia na minha carreira. Foi difícil, mas procurei ficar com a cabeça boa. Tentava vir treinar alegre. Fiquei satisfeito porque estou voltando até um pouco mais rápido do que esperava. Tinha um certo receio de treinar nos primeiros dias, mas agora estou 100%.” Comentou Rafinha na entrevista coletiva.

Treinando com o grupo há mais de 1 mês, Rafinha teve a chance de voltar a jogar. A oportunidade surgiu em Maceió, sexta rodada do Brasileirão. Rafinha foi relacionado para o banco de reservas, no lugar de Júnior Brandão, que estava suspenso. Entrou no segundo tempo da partida contra o CSA, no lugar de Michael. Apesar do time ter saído derrotado de campo, Rafinha comemorou a oportunidade de voltar a jogar e já faz planos para conseguir aproveitar melhor o momento.

-“A gente sempre quer jogar, isso é do atleta, todos querem jogar. Pra mim é uma alegria imensa entrar m campo, ser relacionado para os jogos. Perdemos agora, sentimos muito. Mas o pessoal que está jogando está indo bem, vai ser um jogo difícil o próximo. Quem entrar vai conseguir dar conta do resultado. Essa parada para a Copa eu vou tentar usufruir ao máximo, ganhar na parte técnica e física. Isso tem sido importante. A parada para a Copa América vai ser importante para o professor treinar o elenco e como grupo conseguimos os resultados positivos,” completou Rafinha.

Depois de ter passado pelo momento mais delicado da carreira, Rafinha ainda teve a oportunidade de ver o filho mais novo nascer. Pai de duas meninas, o atacante conseguiu durante o período de tratamento, acompanhar toda a terceira gestação da esposa. E ainda teve a felicidade de participar pela primeira vez do parto. Bernardo chegou no dia 5 de maio e logo em seguida o papai voltou a ser relacionado.

-” O que foi bom foi que minha esposa estava grávida, pude acompanhar. E eu voltei a treinar dois dias antes do meu filho nascer. Foi uma felicidade de estar junto com a minha família. Eu até brinquei que só retornaria quando o meu filho nascer. Ainda não fiz gol, mas já é uma felicidade imensa poder fazer o que mais gosto que é jogar futebol.” Finalizou Rafinha.

Últimas Notícias


13/10

Futebol

JOGADORES DO GOIAS E.C. PARTICIPAM DE PROJETO SOCIAL EM GOIÂNIA
Leia mais

13/10

Marketing

Ingressos para Goiás X Corinthians
Leia mais

13/10

Sou Verdão

Sócio Sou Verdão: Check-in aberto para Goiás x Corinthians
Leia mais

11/10

Marketing

Faltam 15 dias para a Copa do Mundo Sub-17
Leia mais

11/10

Sou Verdão

Atenção para os horários de atendimento do Sou Verdão na Serrinha – 11/10 a 19/10
Leia mais

10/10

Marketing

Ingressos para GOIÁS x CSA
Leia mais