Goiás avança e disputará oitava final consecutiva do Goianão

28/03/2018

compartilhe

O Goiás venceu a Anapolina no tempo normal e nos pênaltis e avançou a final do Campeonato Goiano. O time esmeraldino garantiu sua oitava final consecutiva da competição estadual, de 2011 para cá o Verdão esteve em todas as decisões do Goianão.

Os gols esmeraldinos na partida foram marcados por Eduardo Brock e Pedro Bambu. Nas penalidades o Verdão não desperdiçou nenhuma, Tiago Luís, Giovanni, Brock e Caíque balançaram as redes. Marcelo Rangel defendeu a primeira e, como grande pegador de pênaltis que é, fez Vitor Xavier ver o gol pequenininho e errar a quarta cobrança para os visitantes.

Na grande final do Campeonato Goiano o Maior do Centro-Oeste irá enfrentar a Aparecidense, o primeiro jogo acontecerá no próximo domingo, às 16h, no estádio Aníbal Batista de Toledo, em Aparecida de Goiânia.

O jogo

A partida começou quente, logo aos três minutos Esquerdinha cobrou falta da entrada da área, a bola bateu no travessão. A resposta alviverde foi letal, Giovanni cobrou falta da intermediária, David Duarte subiu e, de zagueiro para zagueiro, deu um passe de cabeça para Eduardo Brock, o camisa 4 estufou as redes adversárias com uma finalização de perna direita, 1 a 0 Verdão.

O primeiro tempo disputado todo ele em uma intensidade muito alta, com as duas equipes buscando a construção de jogadas individuais, contudo, as com poucas finalizações em direção ao gol.

Aos 29 minutos Wilton Sampaio marcou pênalti de Eduardo Brock, que teria tocado com o braço na bola dentro da área, Preto cobrou no canto esquerdo, Marcelo Rangel voou no canto certo e por pouco não fez a defesa, 1 a 1.

Segundo tempo

No intervalo Hélio dos Anjos promoveu duas alterações, Carlos Eduardo, que sofreu com amigdalite durante todo o dia, saiu para a entrada de Michael e Breno foi para o jogo na vaga de Jefferson.

O Goiás fez o que poucos times do Campeonato Goiano fizeram, empurraram a Anapolina totalmente para seu campo de defesa. A Rubra se limitava aos contra-ataques, já que o Verdão dominou a posse de bola e amassou o time adversário, martelando em busca do segundo gol.

O Maior do Centro-Oeste ampliou aos 27 minutos, Michael foi acionado na ponta esquerda, entortou o zagueiro do Anapolina e cruzou de três dedos, Pedro Bambu na segunda trave testou firme, Calaça até tentou defender, mas a bola já havia ultrapassado a linha do gol, 2 a 1 Goiás.

Após lançamento, Michael desviou de cabeça, Maranhão ganhou na velocidade da zaga, invadiu a área, mas bateu por cima da meta. A última alteração no time alviverde foi a entrada de Tiago Luís na vaga de Maranhão.

Pênaltis

Com a vitória alviverde por um gol de diferença a decisão foi para a cobrança de pênaltis. O primeiro a cobrar foi Tiago Luís, ele tomou pouca distância e bateu no canto esquerdo, deslocando Calaça. Gilberto Júnior cobrou para a Anapolina no canto direito, Rangel voou no canto, desviou com a ponta dos dedos, a bola ainda bateu na trave.

Na sequência marcaram para o Goiás Giovanni, Eduardo Brock e Caíque, Milton Júnior e Robson converteram para a Xata. Até que brilhou novamente a estrela de um dos maiores pegadores de pênalti do Brasil, Marcelo Rangel, Vitor Xavier viu o gol ficar pequeno à sua frente e mandou a bola na trave, garantindo um 4 a 2 para o Goiás nas penalidades.

Últimas Notícias


Hoje

Futebol Profissional

No CT do Fluminense, Goiás fecha preparação para encarar o Flamengo neste sábado (21)
Leia mais

19/05/2022

Futebol Profissional

Goiás x RB Bragantino – Sábado 28/05/2022 – Orientações Sócios-Torcedores
Leia mais

19/05/2022

Futebol Profissional

Flamengo x Goiás: Verdão treina e viaja para o RJ
Leia mais

19/05/2022

Futebol Profissional

Retrospecto: Flamengo x Goiás
Leia mais

19/05/2022

Futebol Profissional

Antes de enfrentar o Flamengo, Diego enfatiza: “Vamos preparados para trazer um bom resultado.”
Leia mais

18/05/2022

Futebol Profissional

Imagens do treinamento na manhã desta quarta (18)
Leia mais